sábado, 3 de novembro de 2007

Amar sem ser amado...

... é como limpar o cú sem ter cagado.
Ditado Popular

...

Embora já conhecesse este ditado , ultimamente tenho dado de caras várias vezes com ele. Desconstruindo a frase, cedo se percebe que só pode mesmo ter sido o povinho a inventar isto. Vejamos: a sua aparente graça reside apenas na conjugação do verbo "cagar" de modo a gerar uma conveniente rima. A partir daí começaram-se a rir, deixaram cair as sacholas no chão, e nem se preocuparam em fazer uma análise consciente ao significado.

Limpar o cú sem ter cagado, a menos que seja feito sem papel macio e de modo abrutalhado, não é um acontecimento assim tão catastrófico. O correcto seria:

"Amar sem ser amado, é como cagar e não limpar o cú."

Acho que é mais isto. Custa muito mais.

5 comentários:

Rita Marques disse...

Bem, para fazeres um post assim presumo que ja tenhas amado mas nao tenhas sido amado. Agora, como podes fazer uma comparação tão assertiva e convincente, seguro de que isso é igual a ter cagado e nao ter limpo o cú??

hum.... nao sei nao....

eheheheheeheh

Fi disse...

Custa? Tal visão Assusta!!! :)

Jok*s

O pensador disse...

Pedro,permite-me discordar!

O famoso ditado:"Amar sem ser amado é como limpar o cú sem ter cagado",não tem apenas o intuito de parecer engraçado.
Existe uma mensagem primordial inserida.

O segredo para descortinar o sentido deste ditado é a expressão:"De nada serve"..

De nada serve amar sem ser amado..
De nada serve limpar o cú sem ter cagado..

Mas a tua versão também está muito bem aplicada!
De facto,amar sem ser amado só trás uma montanha de problemas..

NI disse...

Só mesmo tu para te vires com filosofias.

O pensador disse...

Ni,percebi bem?

Dissestes mesmo:"Para me vir"?

As filosofias fazem-me ejacular,é isso?

:-))))