terça-feira, 27 de novembro de 2007

Quem me quiser conhecer melhor...

Ultimamente a vida não me tem presenteado com muita parvoíce, facto que me tem impossibilitado de escrever com a assiduidade que me caracteriza. No entanto, tenho visto por aí um questionário que, embora na realidade seja uma palha pegada, respondido por mim pode ser equivalente a copo de suminho proveniente de laranjas bem espremidinhas.

Aqui vai:

...

Olhos: Acastanhados, embora várias vezes se enganem e me digam que são verdes, dependendo da iluminação. Como é lógico, nessas alturas eu nunca corrijo ninguém.

Cabelos: Quando deixo crescer um bocadinho mais, lembro-me de que é castanho-amêndoa, seja lá o que isso for.

Altura: 1 metro e 82 centímetros de pura loucura. Corpo elegante, magro mas com massa muscular adequada e tonificada, para haver onde agarrar durante aqueles momentos mais intensos, no elevador.

Ascendência: Português de gema, clara e casca. Mas nada daquelas famílias que ainda são ligeiramente arraçadas de árabe, credo.

Signo: Caranguejo. Põe-te de lado, fofinha, que hoje damos as pinças e vamos passear à beira-mar.

Sapatos que estou a usar: Estou a usar o belo do Téni, como é óbvios.

Medos: De ser pobre. De ninguém gostar de mim. De existirem apenas mil pessoas no mundo, 999 adorarem-me, uma não gostar de mim por motivos assim assim, e nunca me dizer porquê.

Objectivo que gostaria de alcançar: Não me apetece dizer, ainda acaba por dar azar.

Frase que mais uso no MSN: “Eu sei q sou 1 amante fantástico, mas tb n precisas de tar sp a repetir isso; ainda p cima apenas 10 segs apos me ter posto online, sua chata do caraças. N tinhas loiça p lavar?”

Melhor parte do corpo: Sem dúvida as minhas mãos (embora ligeiramente mais a esquerda do que a direita). Os lábios também não são nada de se deitar fora.

Coca-Cola ou Pepsi: Coca-Cola. Pepsi rima com Bibi e com Bambi.

MacDonald's ou Bob's: Pergunta estúpida. Mac, obviamente (Big Tasty mnham mnham).

Café ou Capuccino: Adoro capuccino, embora beba café mais frequentemente (mas não frequentemente).

Fumas: Não, não, e não. Além disso tenho o dom de fazer parar de fumar a namorada da altura, senão acaba-se logo ali a relação (embora não seja eu a acabar com elas porque elas se recusam a parar de fumar, mas elas a acabar comigo porque eu me recuso a parar de ser chato).

Palavrões: É raro, mas se estiver sozinho e irritado, lá sai um F ou outro. Mas é mais como mantra do que como palavrão PALAVRÃO.

Perfume: Se tivesse dinheiro para isso, tomava banho em Emporio Armani for Men todos os dias. Felizmente para a sociedade, não tenho dinheiro para isso.

Canta: Segundo uma pessoa que percebe do assunto, “nunca vi ninguém tão tenso a cantar como tu”. Eu concordo.

Toma banho todos os dias: Sim, mas nem é por mim, tendo em conta que transpiro pouquíssimo. Nunca se sabe quando uma rapariga gira nos vai assediar, daí a necessidade de uma higiene pessoal cuidada. Só por isso.

Gostava da escola: Nunca gostei de escola nenhuma em que andei. Por mim, todos os estabelecimentos de ensino podiam arder, que era para o lado que eu dormia melhor. Ainda por cima as pessoas mais ignorantes são as mais felizes; seria até um favor acabar com a educação.

Acredita em si mesmo: Naquilo que digo? Sempre, e piamente, mesmo quando estou errado. Nas minhas capacidades? Raramente, o que se torna ainda mais estúpido sabendo que sou um indivíduo com um potencial incomensurável.

Tem fixação pela saúde: No dia a dia, nem por isso, mas de vez em quando tenho aqueles momentos em que fico preocupadíssimo com vários aspectos da minha saúde. Sou aquilo a que se chama um Dr Jekyll and Mr Hyde da hipocondria.

Dá-se bem com os seus pais: Tem dias. Tem noites.

Gosta de tempestades: Desde que eu não me molhe e a electricidade não falhe aqui em casa, é para o lado que durmo melhor, de novo.


No último mês...

Bebeu alcool: Não.

Fumou: Ver resposta em cima.

Fez compras: Infelizmente não.

Comeu um pacote inteiro de bolachas: Meio.

Sushi: Não.

Chorou: …não… sniff.

Fez biscoitos caseiros: Nem sequer gosto lá muito de biscoitos. Bolo para mim, tem de ter creme.

Pintou o cabelo: Não sou nem gaja nem maricas.

Roubou: Não pertenço ao conselho de administração de nenhuma empresa, não tenho espírito de portuguesinho chico-esperto, não entrei em nenhuma edição do Big Brother e não sou cleptomaníaco.


Nº de filhos: Zero. Vontade de os fazer: todinha. Gostava de ter um casalinho. Primeiro nascia o rapaz, e depois, passados dois ou três anos, a rapariga. Assim, o rapaz, para além de se habituar desde cedo à convivência com as amigas da irmã, podendo mais tarde afiambrar-se a várias delas, estaria sempre alerta para dar uma valente carga de porrada nos abutres que andassem a rondar a irmã, sempre que o pai não a pudesse vigiar.

Como quer morrer: A dormir, ou então a salvar alguém que mereça, como num momento trágico de um filme de aventura.

Piercings: Nopes.

Tatuagens: Nopes nopes.

Quantas vezes o meu nome apareceu no jornal: Algumas, mas há mais Marias na terra. Mas já apareci na televisão durante uns largos minutos (ver post da Rita Mendes).

Cicatrizes: 4: uma grandita na parte de trás do braço direito, uma pequenita na parte de trás do braço esquerdo, um ponto minúsculo na mão esquerda, e um rasgãozito de quando uma faca ferrugenta se foi alojar na parte de baixo da minha perna esquerda, sendo que esta última, infelizmente, mal se nota. Fiquem descansadas que não é nada que, na hora H, se torne inibidor da prática implícita na pergunta “Nº de filhos”.

Do que se arrepende de ter feito: Para além de várias coisas que não são agora para aqui chamadas (não necessariamente por serem todas sórdidas, mas porque não estou para aí virado), talvez possa dizer que me arrependo de ter sido exageradamente introvertido durante tantos anos.

Cor favorita: Cores. Preto, Verde Alface, Azul Clarinho, Laranja Desenho Animado, Cinzento A Atirar Para O Metalizado Mas Não Totalmente Pelo Facto Deste Tom Ter Sido Completamente Banalizado Principalmente Por Culpa Da Indústria Automóvel Clarinho.

Disciplina favorita na escola: Educação Física.

Um lugar onde nunca esteve e gostaria de estar: Japão! Japão! Japão! Diria mesmo mais: gostava de morar e trabalhar lá durante um ou dois anos, pelo menos.

Matutino ou Nocturno: Nocturno, embora já tenha sido mais. Digamos que, neste momento, num mundo ideal, acordaríamos sempre às 10:30 (com tolerância para as 11), faríamos as nossas coisinhas até ao almoço, para acordar, e então aí sim. Depois da sobremesa, toca a ser produtivo, pelo menos até ao jantar. Depois, só boa vida até ir de novo para a cama, nunca antes das 2.

O que tenho nos bolsos: Um papelinho de um Mini-Twix que já devia ter ido para o lixo.

Em 10 anos imagino-me: Digam-me vocês. Eu já não sei de nada. Feliz, espero.

...

Ao princípio pensei que isto fosse uma forma rápida de actualizar o blog, sem ter que pensar muito. Acabou por me dar mais trabalho do que eu pensava. Espero que tenha valido a pena.

8 comentários:

sahara disse...

Eu sabia. Só podias ser caranguejo. Fazes em que dia? É que eu também sou ;)
Gostei de te conhecer!

NI disse...

Esqueceste-te de acrescentar uma coisa: deixares os teus leitores com um sorriso meio estúpido na cara sempre que lêem os teus post's (pelo menos quando somos apanhados em flagrante pelo chefe e temos que inventar uma desculpa rápida por estarmos com o tal sorriso) :-))

mik@ disse...

concordo :)
gosto muito de te ler porque fico sempre com um sorrisinho bem disposto na cara :)
continua assim

M. disse...

Bem, é só fãs.. :)
Gostei particularmente do cabelo castanho-amêndoa...mas o que é que raio é o castanho-amêndoa?? Além da observação óbvia, gostava de ver isso... :P
Outra que me seduziu foi a da frase do msn...a pose de macho man fica-te a matar!!!
beijinhos

NickyBlue disse...

Ainda bem que me considera uma pessoa inteligente que não resistiu a comentar... A acrescentar: Poder que exerce sobre as pessoas? Deixo-lhes sempre um sorrisinho meio estranho quando acabam de ler os meus posts... ;)

Jasmim disse...

Olha, tanta informação para fazer o teu perfil psi!! Não que precisasse deste post para fazê-lo (cof, cof!) Com que então caranguejo? curioso!

MiSs Detective disse...

tive q fazer um copy paste de uma parte!

Menina-Mulher disse...

bem pela primeira vez que aqui entro deparo-me logo com esta maravilha :P digamos que nao sou grande apreciadora de questionarios (sobretudo de os responder) mas houve qualquer coisa no teu que me prendeu a le-lo até ao fim ;)

beijinhoo

vou voltar, se nao te importares (mesmo se te importares e depois o blog é publico hihihih **)

www.historiasdeumamenina-mulher.blogs.sapo.pt