segunda-feira, 10 de março de 2008

Ternurinha =)



Não é "nobe", é "nobre.

Não é "Povo" e "Nação" pegado, é "Po-o-vo" e depois "Nação" dito de uma vez só.

Não é "imotal", é "imortal".

Desafinaste na descida em "de novo".

Não é "de de Potugal", é só "de Portugal".

Não é "ente as bumas", é "entre as brumas".

Não é "pátia", é "pátria".

Disseste extremamente bem "igrégios", por isso não tens desculpa para os "Rs" anteriores mal dados.

O que foi feito ao "Sobre a terra e sobre o mar"? Perdeu-se na floresta e foi comido pelo lobo mau?

Lutále? LUTÁLE?

...

Esse "Muito Bem!" foi dito com um certo je ne sais quois de songa monguice. Não partilho do mesmo entusiasmo. Se fosse minha filha, com aquele tamanhão todo já resolvia equações de segundo grau com uma mão e coloria livros da Pequena Sereia com a outra sem sair dos riscos.

Mas fogo, o que eu não dava para ter uma filha assim daqui a uns anos (e nem tantos quanto isso).

2 comentários:

S a n d r a disse...

Tão linda!! ^^

Anónimo disse...

Fofa! e o teu blogue é viciante!!
Sofia