sábado, 27 de setembro de 2008

Tão cedo não vou precisar de ácido tartárico...

... para lavar as mãos, já que o mosto tinto é tramado para desaparecer. É verdade, despedi-me. Ontem fui lá fazer as contas e pronto. Já não tenho paciência para explicar as razões que me levaram a esta decisão, portanto digo apenas que ganhar 4€/h a fazer um trabalho que é estupidamente inferior às minhas competências, de manhã à noite, não é propriamente a coisa mais motivante do mundo. A minha mulher a dias ganha mais e não tem de fazer nem um décimo da merda que eu fazia.

Felizmente parece que as coisas em Outubro vão melhorar bastante (mais uma razão para ter cagado naquele trabalho à grande). Uma coisa já deu para perceber: nunca me vou conformar com outra coisa sem ser aquilo que quero. Até me posso dar muito mal com esta perspectiva (que muitos chamarão de afunilada, mas eu quero que se fodam), mas quem cedo se conforma acaba por passar dias muito merdosos. Seja como for, pelo menos neste caso, larguei de vez o vinho.

2 comentários:

busycat disse...

E felizmente Outubro está mesmo a porta...
Não trouxeste a placa pois não? Nem pela lembrança:)
Bom fim de semana

beijo
busycat

Sofia disse...

Um decisão inteligente, diria. :)