terça-feira, 7 de outubro de 2008

De Formação

E pronto, lá cheguei eu a casa vindo de cascos de rolha. Neste momento já dá para fazer um ponto da situação. As coisas com a primeira turma correram muito bem. Se calhar, um pouco por causa disso, entrei com a segunda um bocado à campeão, sem me lembrar que eu até nem sou grande "pro" na matéria e que se não tiver cuidado fico sem assuntos relevantes para puxar. Amanhã começo com mais duas; vamos lá ver.

Até me safo bem mas, sinceramente, o mundo precisa mais de mim a tocar guitarra que outra coisa. Sou um bocado como o Nuno Gomes. Safa-se bem como avançado, mas se estivesse a passar roupa para a Fátima Lopes* até era capaz de dar mais nas vistas.

Agora vou mas é comer arroz com shalshichas, que o meu jantar foi uma ferradura de gila às sete e meia da tarde.


* ela não faz roupa para homem, pois não?

2 comentários:

Rosa disse...

Só há dias é que me apercebi que metade da população portuguesa diz 'shalshichas'!

O pensador disse...

Sim, também sabe fazer roupa para homens como o Nuno Gomes..

:-)