sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Mas será que...

... já posso sair à rua sem ter de desejar bom ano e dizer obrigados igualmentes ou esta merda ainda se vai estender até Fevereiro? Quando é que será socialmente aceite ignorar estes protocolos da treta? 2008 já foi, pá!

6 comentários:

Eu mesma! disse...

acho que já podes sair de casa...
eu pelo menos hoje já não desejei bom ano a ninguém!

Pipoca disse...

Hoje (dia 2 de Janeiro) entrei numa loja de roupa de um shopping, cena típica de um ataque de gaja e passei-me. Gritei, chamei nomes a duas empregadas e saí da loja a soprar. Acreditas que aquelas duas imbecis ainda tinham a "bombar" na loja um cd com músicas de Natal? Natal?! O "Bom Ano" ainda aguento..., por agora...

ManUel disse...

entao mas as raparigas têm culpa? já devem é estar bem mais enjoadas das musicas de natal que tu :P

eh eh eh

Vítor Costa disse...

Pipoca, andas a exagerar...
Eu tb andava cansado, mais no Natal...
Houve eu senhor que teve o azar de ser o último a desejar-me um Bom Natal, eu "passei-me"...
Disse-lhe eu tranquilamente:
"Bom Natal já eu estou farto de ouvir e desejar (respeitosamente), pelo que tenho-lhe a desejar simplesmente... Boas fodas!!!" Isso sim, é importante...
O homem ficou a olhar p mim (acabou por levar na brinca), mas eu saí bem mais aliviado!!! hehehe
Devias fazer algo parecido, todo o povo quer é passar um ano cheio de boas F....!!!
Continuação!!!

Pedro M. disse...

Boas fodas? São mais complicadas de encontrar do que as renas do pai natal a voar no céu.

Vítor Costa disse...

hehehe...