sábado, 28 de fevereiro de 2015

Não doi mas irrita, não doi mas irrita

/gay mode on

Parem de dizer que é a segunda edição do MasterChef Portugal. De novo, parem de dizer que é a segunda edição do MasterChef Portugal! É a terceira, caralhos vos fodam! Terceira! O formato é exactamente o mesmo e o nome é o mesmo. Se em canais diferentes alguém filmar uma pessoa a andar na lua, continua a chamar-se andar na lua, não se passa a chamar afarfalhar o piruças.

 E, a julgar pela SEGUNDA EDIÇÃO, continuará a ser bem mais fraca do que a PRIMEIRA (grande Mauro e grande Luís!), que por sua vez já ficou alguns furos abaixo da versão australiana. Aliás, todas ficam abaixo do MasterChef Australia. Quem achar o contrário, deve ver os seus filhos retirados pela Segurança Social, visto estar completamente maluco da pinha e em risco iminente de se magoar a si ou a terceiros.

Pronto, lá vou eu ver croquembouches de 20 centímetros, todos tortos e sem creme, enquanto comida de todo o mundo com roupagem francesa é comentada sem o carisma a que Matt, George e Gary nos acostumaram (tu não Manuel Luís, ainda és aquele que se safa melhor).

/gay mode off

3 comentários:

São João disse...

Obrigada por partilhares a minha dor. Fica tudo parvo a olhar para mim quando eu digo que não é a 2ª mas sim a 3ª edição do masterchef. É bom saber que não estamos sozinhos no mundo. Salvé.

Lia disse...

E eu a ver a "estreia" de tal programa e a repetir every sinlge time "a segunda não, a terceira".
Oh, como é bom ter alguém que partilhe as nossas angustias!

Uva Passa disse...

D-e-l-i-c-i-o-s-o pah!